Notícias » Consórcio inicia testes no sistema de transmissão

Publicado em 25/07/2011

A construção da Usina Hidrelétrica Mauá avança em todas as frentes. Na última sexta-feira (22/07) a linha de transmissão Mauá – Figueira foi energizada para testes entre as 8h30min e as 17h. Foram realizados os testes de intertravamento, que comprovaram o pleno funcionamento de todos os equipamentos (incluindo sinalizações, supervisão, comandos e proteção). Está prevista para o dia 15 de agosto a energização da linha Mauá – Jaguariaíva, quando serão testadas todas as suas funções, e para 1° de setembro a energização da Subestação Mauá (quando a operação do sistema de transmissão da UHE Mauá será passada para a Copel). O coordenador Geral do Comissionamento da UHE Mauá, Moacir Carlos Bertol, afirmou que “com a energização da linha Mauá - Figueira e da Subestação Mauá, estamos próximo de concluir toda a energização do sistema de transmissão associado à Usina e prontos para passar para a rede básica”.

A linha Mauá – Figueira tem 43 quilômetros de extensão, enquanto a Mauá – Jaguariaíva tem 108 quilômetros (ambas  em 230kV). Juntas, as linhas vão transportar a energia produzida na UHE Mauá (que tem potência instalada de 361 MW) até o Sistema Interligado Nacional (SIN). Durante a construção, também foram executados os programas ambientais das linhas, como o de resgate arqueológico, fiscalização e sensibilização ambiental, comunicação social, entre outros. Tanto a construção da Usina quanto a das linhas está sendo realizada pelo Consórcio Energético Cruzeiro do Sul, que é formado pela Eletrosul (49%) e pela Copel (51%).